Marinho e Pinto aconselha estudantes: “Aprendam Direito”

Marinho e Pinto aconselha estudantes: “Aprendam Direito”

Reeleito, por maioria absoluta, para a Ordem dos Advogados (OA), António Marinho e Pinto deixa um conselho aos estudantes que se manifestaram à frente da Ordem contra o exame de acesso ao estágio: “Que aprendam Direito”, afirma, em declarações ao PÚBLICO.

“Hoje, não basta exibir títulos académicos, a selecção faz-se através da escolha dos melhores e não daqueles que pagaram um canudo”.

A manifestação de protesto é entendida pelo bastonário como “uma posição ingénua de uma juventude que tem sido explorada”.

Aos seus adversários que entraram na corrida eleitoral para a presidência da Ordem manifesta a sua “simpatia” e “solidariedade” e diz: “Conto com eles para a Ordem dos Advogados, no respeito pelo seu estatuto”.

Na opinião de Marinho e Pinto, esta vitória traduz “uma opção clara por este bastonário e pelo seu programa”. Durante o seu mandato ao longo do triénio 2011-2013, assegura que vai prosseguir o combate à massificação da advocacia e à desjudicialização da justiça. “A justiça tem de ser feita nos tribunais, pelos magistrados e advogados e não por instituições privadas”, considera.

Nas eleições de sexta-feira, Marinho e Pinto conseguiu 9532 votos num universo de 20.521 votantes. Fernando Fragoso Marques ficou em segundo lugar com 5991 votos e Luís Filipe Carvalho, com 3666.

Estes resultados não incluem, contudo, ainda os votos do Conselho Distrital da Madeira, já que a assembleia distrital foi suspensa.

A lista de Marinho e Pinto não conseguiu, no entanto, a vitória para o Conselho Superior, ganha pelos apoiantes de Fernando Fragoso Marques na lista liderada por Óscar Ferreira Gomes. Em 19.584 votantes. garantiu a vitória com um total de 7268 votos.

Fonte: Público


,

No comments yet.

Deixar uma resposta